¹

14.2.12

ENTREVISTA COM LOURDINHA PERAZZO : É MUITO DIFÍCIL FAZER POLÍTICA

Lourdinha Perazzo está à frente da gestão da Escola Municipal Francisco Zeferino Pessoa, do Bairro Bom Jesus, há mais de 8 anos. Essa missão é ‘apenas’ mais uma etapa de sua longa carreira no magistério, sua grande paixão e vocação. Servidora do estado aposentada, D. Lourdinha (como é chamada por todos os seus inúmeros ex-alunos, eu sou um deles) poderia estar em casa descansando e usufruindo de uma situação financeira e pessoal tranquilla, mas ela não pára nem se cansa nunca, continua atuando com a mesma garra e a mesma paixão de quando começou a trabalhar. "Não consigo ficar parada, enquanto tiver vontade de trabalhar, de fazer alguma coisa pelo município eu vou fazer" diz, sorrindo.

Esse modo intenso de atuar é usado também para defender suas idéias e suas outras paixões: a religião católica, a família e a política. A personalidade forte de D. Lourdinha não é de fazer concessões nem de mentir para agradar seja a quem for. Tudo isso a credencia para falar do momento político atual em nosso município e da posição de sua família em relação às próximas eleições, afinal, o nome da família Perazzo está sempre na pauta das conversas políticas...


TVA2: Vamos começar nossa conversa fazendo uma avaliação de Romero Perazzo como vice-prefeito?
Lourdinha Perazzo: Eu estou muito satisfeita com a atuação de Romero como vice-prefeito. Ele tem procurado se colocar como um parceiro, um auxiliar do prefeito Sávio Torres. Por isso mesmo Romero é um vice que aparece. Antes o comum era a gente ter dois tipos de vices, aqueles muito “apagados” ou aqueles que mais atrapalhavam do que ajudavam. No caso de Romero a gente percebe que tem sido diferente, no sentido de estar sempre ao lado do gestor, colaborando mesmo.

TVA2: A senhora tem uma grande admiração por Romero, naturalmente. Todos nós sabemos dos vínculos que unem vocês dois ( Lourdinha Perazzo é tia de Romero e também uma “segunda mãe” já que Romero praticamente cresceu convivendo diretamente com ela, em sua casa) Romero escuta a senhora quando se trata de sua atuação política? A senhora é uma conselheira dele?
Lourdinha Perazzo: Romero escuta a família, de modo geral. Quero dizer, ele escuta a família como um todo. Nossa família é muito politizada. Todos somos bastante envolvidos na política. Essa é uma característica forte da família Perazzo, está no nosso sangue. Então Romero é o nosso principal representante político. Ele não abre mão de ouvir a família e não entraria na política nem estaria nela sem o apoio da família.

TVA2: A senhora também já passou pela experiência de concorrer a um cargo político. Como foi ser candidata a vice?
Lourdinha Perazzo: Não gostei da experiência. Foi uma coisa muito ruim. Eu fui praticamente obrigada, o grupo de oposição estava na iminência de ficar sem candidatos na chapa majoritária, então, aceitei ser vice de Caca Rabêlo. (Caca Rabêlo e Lourdinha Perazzo concorreram contra Vitalino Patriota e Expedito Marques)

TVA2: Quais eram os partidos políticos daquela época?
Lourdinha Perazzo: Nem lembro mais. Esses partidos mudam tanto, né? Acho que era pelo PDT...

TVA2: A senhora ainda é filiada a algum partido?
Lourdinha Perazzo: Eu sou do PP, é o atual partido de Romero.

TVA2: Então, voltando a pergunta anterior, como foi a experiência de ser candidata?
Lourdinha Perazzo: É muito difícil ser candidato. Meu Deus, é uma coisa de louco. Eu sou apaixonada por política, mas candidatar-se a um cargo é realmente para quem tem vocação. Nem todo mundo tem vocação para ser candidato e para fazer política. Tem que ser maleável, ter jogo de cintura, saber engolir sapos e saber dizer não sem desagradar... E imagine no meu caso, a gente não tinha recursos, as famílias naquela época passavam por muito mais necessidades que hoje, havia aquela coisa do paternalismo que de certo modo ainda existe hoje, mas naquele período era muito mais forte. Então era uma tarefa complicada para mim. Carência para todo lado, a gente chegava para se apresentar como candidata, falar em voto, querer propor ou discutir algum projeto de governo e as pessoas já vinham pedindo algo em troca, negociando o voto por um favor, um emprego, uma ajuda de custo em alguma despesa da família... nossa, muito desanimador.

TVA2: A senhora acha que isso mudou, daquele tempo para hoje?
Lourdinha Perazzo: Não mudou não. Em grande parte é o eleitor que corrompe o candidato, que força o candidato a gastar, a oferecer mesmo alguma coisa em troca de voto. E é claro que isso é errado, como educadora eu não posso concordar com esse modo de fazer política.

TVA2: Romero ainda não cansou dessa vida de político, como a senhora diz, "desanimadora"?
Lourdinha Perazzo: Eu diria que não, pois ele tem um sonho ainda a ser realizado na sua carreira política, o que é natural para qualquer político com o currículo dele. Ele já foi vereador três vezes, já foi presidente da Câmara de Vereadores, já foi Secretário de Governo e agora é vice-prefeito. Então só falta agora ser prefeito. É um desejo natural, que ele pode realizar algum dia se os eleitores assim acatarem com o voto, claro.

TVA2: Toda a família apóia Romero neste ideal?
Lourdinha Perazzo: Com certeza. Estaremos sempre com ele em qualquer circunstância ou situação.

TVA2: A senhora agora é da base da situação mas já foi por muito tempo da oposição. Vamos fazer algumas avaliações, a partir dessa sua ótica experiente. Como a senhora avalia a gestão do prefeito Sávio Torres?
Lourdinha Perazzo: Acho que é uma gestão muito, muito boa. É um prefeito cuja característica mais relevante são as obras. É um construtor. Cuida da cidade, tem vaidade com a imagem da cidade, do município em geral. As pessoas gostam disso, percebem que ele trabalha com muito amor por Tuparetama, é dedicado, vai atrás de projetos, de recursos... e se preocupa com a zona rural também, isso é uma coisa que eu não percebia em governantes anteriores, essa atenção à população rural... quer dizer, é um governo que se preocupa com o município na sua totalidade.

TVA 2: E como a senhora percebe a oposição que se faz atualmente no município?
Lourdinha Perazzo: Hum.. não sei.... O que é que você acha da oposição?

TVA2: (risos) A entrevistada é a senhora, D. Lourdinha.
Lourdinha Perazzo: Olhe, Tárcio, eu não quero responder essa pergunta, não. É muito complicado falar da oposição porque sinceramente eu não acompanho o que se passa com os grupos e partidos de oposição, no momento.  

TVA2: Fale um pouco sobre o trabalho da senhora na escola Francisco Zeferino Pessoa.
Lourdinha Perazzo: Eu me sinto muito bem e tenho grande satisfação em trabalhar na Escola Zeferino. Temos uma equipe comprometida e parceira, me relaciono bem com meus colegas e com as famílias dos alunos. Temos as preocupações e os desafios comuns de toda escola, as decepções também... mas isso faz parte da educação. A gente mudou muito, temos conseguido cuidar de diversos problemas, acho que a evasão e a indisciplina melhorou, mas veja bem, o problema da indisciplina por exemplo vem das famílias. Quando a gente vai buscar a raiz daquele comportamento do aluno, encontra quase sempre uma família desestruturada. Eu acho que o grande problema realmente para quem trabalha na educação é essa questão social, das famílias desestruturadas, das drogas, da violência, do desemprego.

TVA2: Esses são problemas que o município e a educação precisam enfrentar, então?
Lourdinha Perazzo: Com certeza. Como em todos os demais municípios do Brasil, aqui também não é diferente, é preciso investir nessa área de enfrentamento da questão social. A escola não vai conseguir solucionar os problemas dos seus alunos nem é essa nossa missão, 4 horas diárias com o aluno não  transformarão a realidade com a qual ele convive as outras 20 horas, mas inegavelmente a escola precisa do apoio de profissionais como psicólogos, assistentes sociais e fonoaudiólogos. É preciso contratar esses profissionais para qualificar ainda mais o trabalho de educação no município e, fora da escola, criar alternativas de geração de renda e emprego, núcleos de assistência com profissionais atuantes, indo diretamente nos bairros, atendendo as famílias. Família é a base de tudo e as famílias estão precisando de ajuda.

[]

16 comentários:

Anônimo disse...

Íntegra como sempre. Uma excelente pessoa e uma profissinoal extraordinária.

Anônimo disse...

EITA DONA LOURDINHA QUE SABE SE PRONUNCIAR,SE DONA LOURDINHA SABE DESSE TANTO AVALIE SEU SOBRINHO QUE FOI CRIADO POR ELA ,,,ROMERO,,, ESTAMOS ESPERANDO POR VOCE NAS URNAS,,,

Antônio José Xavier (Apolo) disse...

-D. Lourdinha é sem dúvida uma das pessoas mais conhecidas, admiradas e polêmicas de Tuparetama. Personagem do contexto histórico e político da cidade. Eu pessoalmente, tenho muita simpatia pelo modo como ela vem gerindo a escola Francisco Zeferino, sempre conciliadora e ao mesmo tempo com uma postura firme. Do passado não posso falar pois não vivenciei. Ótima entrevista como sempre, mas não sei porque, conhecendo D. Lourdinha como eu conheço sinto que ela tinha ainda mais coisas interessantes a revelar...

Fernanda Silva disse...

Isso é uma entrevista ou é propaganda gratuita de Romero? Tarcio entrvista Rosa de Valmir tambem para ela falar das qualidades dele he he he he

Diana Athenas disse...

Dona Lourdinha como sempre muito polida e muito sensata! É uma mulher admirável e que muito fez por Tuparetama...
Por ser uma mulher forte, achei que iria polemizar mais, mas ela foi uma Lady! Rsrsrs

Concordo com ela no que diz respeito à venda de votos: muitos leitores e eleitores se proclamam vítimas, mas o fato é que a corrupção está tão arraigada aos modos de nossa população, que nem é o candidato que oferece dinheiro, a própria população que coloca em si a etiqueta com o preço!

Ivaí Cavalcante disse...

Dona Lurdinha, queria ter sido primeiro a ler sua entrevista e poder dar a minha opinião primeiro. Veja, vi sinceridade em todas as palavras e sabe por que? Eu lhe conheço. A senhora é a cara da Vila Bom Jesus pois se entrega de corpo e alma pelos alunos e vejo o seu empenho juntamente com todos professores. E sobre sua família admiro pois todas as famílias deveriam se espelhar na sua. Olha Tárcio não foi só você que teve o prazer de ter dona Lurdina como professora não viu, eu tive o maior privilégio de ter sido aluno da Escola Ernesto e ela como diretora. E fico triste quando alguém vai postar um comentário e posta anônimo pra uma pessoa que tem um currículo invejável que dona Lurdinha. Dona Lurdinha sou seu fã e aqui pra nós como a senhora mesmo fala: mas menino.

Anônimo disse...

Temos que elogiar quando se trabalha, mas também reconhecer e respeitar quem já fez por Tuparetama,dizer que não percebia um governo anterior fazer tanto pela zona rural,é até perdoada por não ter conhecimento,também o ex-prefeito Vitalino não fazia tanto carnaval quando entregava alguma obra para o município,pelo menos presenciei inauguração da quadra de esportes da escola de santa rita, com cobertura igual à do ginásio de esportes da cidade,com reforma da escola e com curso básico de informática,quando nós da cidade, não sabíamos nem o que era um computador,por sinal na área de educação, e a senhora não lembrar!?
Vou pesquisar mais obras de Vital na zona rural, e comentar se Tárcio permitir.

Anônimo disse...

Dona Lourdinha, pessoa dedicada e competente, parabéns!!! Ah Ivaí, engraçado vc dizer que todas as pessoas deveriam ser como os PERAZZO, (com todo respeito a familia), mas nos bastidores ninguém quer ser chamado de Fulano de Tal Perazzo né?

júnior disse...

PARABÉNS BELA ENTREVISTA CHEIA DE CONTEÚDO E VERDADE ,TÁRCIO DEVERIA TER POLEMIZADO MAIS E CONCERTEZA DONA LOURDINHA ESSA MULHER FANTASTICA Q É SABERIA RESPONDER MUITO BEM.BOM SERIA DONA LOURDINHA PREFEITA OU ATÉ VEREADORA.

CARLOS ANTONIO disse...

ENTÃO QUER DIZER QUE IVAÍ VAI TER SOBRE NOME PERAZZO TAMBEM ERA SÓ O QUE FALTAVA, POIS ESSE CIDADÃO PASSOU MUITO TEMPO FORA DE TUPARETAMA E POUCO SABE DA HISTORIA DOS EX-PREFEITOS E O QUE ELES FIZERAM PRA TUPARETAMA E SEU POVO, SOBRE A ENTREVISTA FOI BEM ELABORADA E SEM ATACAR NINGUÉM DA OPOSIÇÃO NESSE CASO GOSTEI, NÃO SOU DA FAMILIA PERAZZO E JAMAIS TEREI INVEJA DELES POIS SEI QUE SÃO UNIDOS MAS PRA A POLITICA NÃO DÃO CERTO DEVIDO A ALGUM HISTORICO DELES, TAMBEM JA NASCI COM SANGUE DA POLITICA POIS TENHO FAMILIARES POLITICOS TAMBEM E QUE INDIRETAMENTE OU DIRETAMENTE FIZERAM E MUITO POR TUPARETAMA E PRINCIPALMENTE A POBRESA QUE AINDA HOJE A MINHA FAMILIA POR ONDE PASSO RECEBO ELOGIOS DA CARIDADE QUE FIZERAM E FAZEM PRA OS QUE PROCURAM NOSSA CASA.

CARLOS ANTONIO disse...

VITALINO FOI E É UM DOS GRANDES POLITICOS QUE ATUALMENTE É O CANIDATO MAIS FORTE DENTRE ELES QUE QUEREM SER PREFEITO DE TUPARETAMA HOJE, VEJO NELE A CARA DA POBRESA POIS TODOS NOIS SABEMOS QUE QUANDO MORRIA UMA PESSOA EM OUTRO ESTADO DE NOSSA CIDADE ELE MANDAVA BUSCAR SEM NENHUM CUSTO, FEZ MUITO PELA EDUCAÇÃO COM RECURSOS PROPRIOS, FEZ MUITO PELA POBRESA ENTREGANDO MEDICAMENTOS A QUEM NAO TINHA DINHEIRO PRA COMPRAR,FEIRAS E PAGANDO ATÉ CONTAS DE AGUA E LUZ DAS PESOAS CARENTES, HOJE O QUE VEMOS É UM PREFEITO BOM DE OBRAS COM DINHEIRO FEDERAL MAS NO SOCIAL DEIXA A DESEJAR E TEM MAIS ONDE SE ENCONTRA A CULTURA DE TUPARETAMA POIS SÓ ESTA FOCADA NO BALAIO CULTURAL E A BANDA DE MUSICAS COM A ESCOLA PRA NOVOS ALUNOS, E O GRUPO DE DANÇAS, DE TEATRO ACABOU NADA DISSO VEJO HOJE SE ALGUEM SOUBER DO LOCAL DE ENSAIO DESSE PESSOAL MIM FALEM QUE NAO SEI.

ALEILDA GOMES disse...

NÃO IVAÍ ATÉ VC QUER SER PERAZZO, JÁ BASTA SAVIO DE ZACARIAS QUERENDO SER ( RISOS)EU SOU FELIZ SENDO SILVA, FERREIRA, BASTOS,
SÓ UMA BRINCADEIRA ADOROO VC IVAÍ.....

Maria José disse...

Admiro e parabenizo minha ex-professora,colega de trabalho e diretora pela coragem e boa vontade de dedica-se a vida pública com muito amor. Nós da Escola Francisco Zeferino nos relacionamos muito bem.

CARLOS ALEXANDRE CANTOR disse...

Gosto muito de Dona Lourdinha, é uma mulher de garra e coragem. Nessa entrevista ela falou algumas coisas que discordo , uma por exemplo é dizer que o ex prefeito não fez um bom trabalho, como todos sabem, sou um artista que começou a carreira em tuparetama e lembro que há dez anos atráz quando iniciei a banda VICIADOS DO FORRÓ o ex prefeito me pagava até mil reais por show , hoje com a atual gestão , não querem pagar nem isso. Outros que sofreram com isso : banda paulo rocha, CDTP( companhia de danças populares de tuparetama)e muitos outros artistas que foram esquecidos e desvalorizados. Bom puxei pra o lado da cultura , pois faço parte dela e a gestão anterior foi bem melhor. Gostei muito da gestão anterior, pois valorizava mais as pessoas do que a obras feitas na cidade, o que faltou? na minha opinião, fazer um pouco mais de obras pra nossa cidade. Da segunda gestão, gostei muito tambem, o que faltou? na minha opinião, valorizar as pessoas um pouco mais, principalmente na parte cultural, sofremos muito, pois não temos um
SECRETÁRIO DE CULTURA QUE TENHA FORÇAS PARA CONTRATAR AS BANDAS E OS ARTISTAS de outras modadlidades para que possa nos colocar nos eventos que tem em nossa cidade, ou seja, essa função fica por conta do filho do prefeito ( que é muito meu amigo ) mais que tambem não valoriza a nossa cultura. Hoje moro em Salvador, nasci em MONTEIRO na paraíba (só nasci lá) passei 18 anos em São José do Egito e 10 em TUPARETAMA e essa é a cidade que amo de coração.

CARLOS ANTONIO RESPONDE disse...

ESCUTANDO ATENTAMENTE O PROGRAMA DO PREFEITO NESTA SEXTA-FEIRA 24 DE FEVEREIRO VOU RELATAR ALGUMA COISA QUE TEM NA AÇÃO SOCIAL COM DINHEIRO FEDERAL: O PETI, PROJOVEM,AS CAPACITAÇÕES QUE FORAM FEITAS A EXEMPLO DAS MULHERES, DAS DROGRAS COM DINHEIRO FEDERAL, O SEBRAE QUE TROXE CAPACITAÇÃO É DO ESTADO, AGORA MIM DIGAM O QUE TEM DE VERDADE UMA AÇÃO QUE A AÇÃO SOCIAL FEZ COM RECURSOS DO MUNINCIPIO DE TUPARETAMA QUE NÃO SEI, DISSE E REPITO A ASSISTENÇIA SOCIAL AO POVO CARENTE DE TUPARETAMA DEIXA A DESEJAR OU NÃO EXISTE.

Dennis Nascimento disse...

A melhor parte da entrevista:

"TVA 2: E como a senhora percebe a oposição que se faz atualmente no município?
Lourdinha Perazzo: Hum.. não sei.... O que é que você acha da oposição?

TVA2: (risos) A entrevistada é a senhora, D. Lourdinha.
Lourdinha Perazzo: Olhe, Tárcio, eu não quero responder essa pergunta, não."

KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK O DONA LOURDINHA NOTA 10.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...