¹

5.2.15

III PRÊMIO PERNAMBUCO DE LITERATURA

Prêmio Pernambuco de Literatura, iniciativa que já publicou títulos de nove escritores pernambucanos ou que residem no estado, chega à sua terceira edição consolidado como importante estratégia da política estadual de cultura. Através da Secult-PE, Fundarpe e da Cepe Editora, o Governo de Pernambuco dá continuidade a este instrumento que tem fortalecido a cadeia do livro e da leitura em todas as regiões pernambucanas.

Serão R$ 40 mil em prêmios, além das publicações dos livros vencedores, cada um com tiragem de mil exemplares. O objetivo é contemplar escritores de todas as macrorregiões do estado, que vão concorrer entre os inscritos de seus territórios.

Sobre esse critério de regionalização, o coordenador de Literatura da Secult-PE, Wellington de Melo, esclarece que “é comum ocorrer uma concentração da produção literária na Região Metropolitana do Recife (RMR), daí a importância de um prêmio que busque descobrir talentos ainda escondidos em outras regiões e que possam oxigenar a nossa literatura“, aponta.

Os interessados podem se inscrever nas categorias de Conto, Poesia e Romance. Serão concedidos até 5 prêmios no valor de R$ 5 mil para os melhores títulos das macrorregiões. Um prêmio especial de R$ 15 mil será oferecido, ainda, para um dos cinco finalistas, que será declarado o vencedor do Grande Prêmio. “Com este formato, os concorrentes podem competir entre si e o grande vencedor ser de qualquer região, o que é muito saudável. Na primeira edição, o vencedor foi Bruno Liberal, do Sertão, na segunda, foi Wander Shirukaya, da Zona da Mata”, comemora André Brasileiro, diretor de políticas culturais da Secult-PE.

Para o secretário de cultura de Pernambuco, Marcelo Canuto, a continuidade do Prêmio “demonstra o esforço que a gestão tem empreendido nos últimos anos no sentido de fortalecer questões essenciais para a cadeia do livro e da leitura no estado, como o fomento à produção literária, a democratização do acesso às publicações, a distribuição e a circulação da nossa rica literatura contemporânea”. O período de inscrições é de 24 de dezembro de 2014 a 27 de fevereiro de 2015.

Baixe AQUI o edital + formulário de incrição.

MEMÓRIA
I Prêmio Pernambuco de Literatura (2013) Total de 192 trabalhos inscritos, sendo 133 da Região Metropolitana, 8 da Zona da Mata, 29 do Agreste, 23 do Sertão. Escritores de 36 cidades envolvidos. Vencedores: Olho morto amarelo (contos), de Bruno Liberal | Recife, no hay (poesia); de Delmo Montenegro | O livro de Corintha (romance), de Fernando Monteiro | O Metal de que somos Feitos (contos), de José Walter Moreira dos Santos | Discursos e Anatomias (poemas), de Joseilson Ferreira| Grande Prêmio: Olho morto amarelo (contos), de Bruno Liberal 

II Prêmio Pernambuco de Literatura (2014) Total de 155 trabalhos inscritos, sendo 106 da Região Metropolitana, 9 da Zona da Mata, 27 do Agreste, 13 do Sertão. Escritores de 34 cidades envolvidos. Vencedores: Ascensão e queda (romance), de Wander Shirukaya | Associação Robert Walser para Sósias Anônimos (romance), de Tadeu Sarmento | Rinoceronte dromedário (poesia), de Helder Herik | Dois nós na gravata (contos), de Rômulo César Lapenda Rodrigues de Melo |Grande Prêmio: Ascensão e queda (romance), de Wander Shirukaya.

Fonte: SECULT/PE

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...