¹

8.9.17

DIVULGADA PROGRAMAÇÃO DA 30ª MISSA DO POETA - TABIRA


A APPTA, Associação de Poetas e Prosadores de Tabira divulgou a programação da 30ª edição da Missa do Poeta, evento religioso e cultural celebrado anualmente em Tabira, em memória do Poeta Zé Marcolino.  Este ano o evento organizado pela APPTA homenageia também o poeta Walter Marcolino.  A programação da 30ª Missa do Poeta se estenderá do dia 10 ao dia 16 de setembro. Confira a programação: 
Dia 10: abertura do Evento na Praça Gonçalo Gomes;
Dia 11: Chá Poético na Escola Carlota Breckenfeld;
Dia 12: 13º Festival de Violeiros Poeta Zé Liberal na Praça Gonçalo Gomes;
Dia 13: 9º Encontro de Sanfoneiros na Praça Gonçalo Gomes;
Dia 14: Associação e Grupo de Xaxado Cabras de Lampião na Praça Gonçalo Gomes;
Dia 15: 21ª Mesa de Glosas do Pajeú e 6º Recital Feminino as 19h30 na escola Arnaldo Alves;
Dia 16:
- Lançamentos do Livro de Luiz Nunes, Juscelino: vida obra e verso, 15hs na Câmara de vereadores;
- Shows com:
Sevi Nascimento
Chico Arruda
Lindomar Souza
BKL
Lula Sabiá
Denilson Nunes e Adelmo Aguiar

PREFEITURA DE TABIRA NEGA APOIO AO EVENTO

Segundo matéria publicada hoje, dia 08, por Nill Junior (CLIQUE AQUI PRA LER ) o prefeito de Tabira, poeta Sebastião Dias, depois de se comprometer em dar um apoio mínimo para a Missa do Poeta fechou torneiras para o evento sob alegação do ajuste fiscal que anunciou recentemente. "Não há apoio da municipalidade para a Missa do Poeta" cita o texto, informando ainda que apesar dos compromissos firmados como o de pagar os custos da banda para Adelmo Aguiar e Denilson Nunes, o prefeito voltou atrás no combinado. Uma vaquinha está sendo articulada para pagar e evitar que os artistas não tenham como se apresentar.  

A matéria ainda ressalta a postura  contraditória de Sebastião Dias que é um dos poetas populares mais respeitados do Nordeste, de quem se esperava uma maior valorização dos eventos culturais do município. Lembra que somente este ano foram realizados gastos excessivos em outros eventos como o  carnaval batizado de “anti-cultural”, pela má qualidade das atrações. O evento custou mais de R$ 300 mil. Segundo a nota, somente a banda Saia Rodada Elétrico teria levado cachê de 60 mil reais. 

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...